Saber respeitar

20/09/2016

 

 

Algumas pessoas têm muita dificuldade para respeitar o espaço do outro. Torna-se necessário dar limites, uma atitude que pode parecer antipática, embora não seja. Trata-se do respeito à sua privacidade, sem interferências de terceiros.

 

Podemos e até devemos ser solidários, mas temos que ter claro que isto só será possível se a outra pessoa aceitar. O fato de não aceitar não significa que ela não goste de você, que não queira ser sua amiga, que queira romper a relação com você. Este tipo de pensamento é um tanto pueril e só serve para fazer com que as pessoas se distância.

 

Cada pessoa tem o direito de viver e fazer aquilo que considera melhor para si e não precisa dar satisfação aos outros, a menos que ela depende de alguém ou que viva com este. Nestes casos cabe dar uma satisfação, dividir o que está pensando ou sentindo, pois é uma maneira de respeitar a pessoa que está com ela. Porém, entre conhecidos, vizinhos e amigos isto só acontece, se a pessoa estiver disposta a compartilhar.

 

Precisamos lembrar que a vida de uma pessoa não é pública, portanto, ela tem o direito de se preservar.

 

Cobrar ou exigir comportamentos e atenções de alguém passa a sensação de controle, o que é facilmente identificado em pessoas muito ansiosas ou que são acometidas do Transtorno Obsessivo Compulsivo. Não basta ter o controle da sua vida: é preciso controlar a vida do outro. A pessoa tem um gasto de energia psíquica desnecessário, mas tudo isto é feito em nome da solidariedade. Outras vezes, a pessoa quer se tornar intima da outra, só que esta não lhe deu espaço para isto. Pode-se pensar em um prejuízo no juízo crítico.

 

Na realidade, saber respeitar é não só um princípio básico de educação, mas também uma forma de demonstrar consideração, afeto, de carinho para com o outro. É aceitar o outro como ele é e aprender a conviver com isto. É não ser invasivo e nem querer impor a sua vontade.

 

A dificuldade de respeitar o outro é comum de se identificar nas pessoas que não se respeitam, mas esta é a opção de cada um e não pode ser imposta aos outros. Saber respeitar deveria fazer parte da vida de todos, mas infelizmente as coisas não são assim. Muitos querem impor suas vontades, desejos e até curiosidades.

 

Acabam tornando-se deselegantes sem perceber.

 

Paz do eu!

Please reload

Posts Recentes

06/11/2019

18/10/2019

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • YouTube Social  Icon
  • SoundCloud Social Icon
  • LinkedIn Social Icon