A vida é dom e não mercadoria

11/11/2016

 

Apesar de este ser um dos salmos que encontramos na Bíblia, o desenvolvimento do meu pensar não terá um enfoque teológico.

 

A vida é o bem maior que temos, entretanto, parece que um número significativo de pessoas não tem este conhecimento ou ignoram. Vivem sem ter a mínima preocupação com a sua vida, como se fossem imunes a tudo e a todos, até a hora que se defrontam com uma situação que os fazem parar e rever a sua vida e aí complica, porque vem a culpa, a frustração, o desejo de morrer como se isto fosse resolver o problema. Em muitos casos, o caminho pode ser sem volta

 

Nos tempos atuais, tem-se a sensação que tudo na vida das pessoas é descartável, inclusive a própria vida. Sabemos que somos seres finitos, nem por isto, precisamos vivermos nos colocando em situações de risco e nos tratando e permitindo que nos tratem como se fôssemos uma mercadoria, um objeto qualquer. Não nos fazemos respeitar, aceitamos qualquer migalha e achamos que está bom.

 

Vivemos na sociedade do ter e esquecemos ou negamos o Ser. As pessoas parecem acreditar que a chave da felicidade está na luxuria, na ostentação, esquecendo que tudo isto é efêmero e que pode acabar a qualquer momento, se não houver uma base bem solidificada que os sustentem. Ao passo que a vida se bem cuidada, valorizada pode durar por muito tempo.

 

Viver é cuidar de si em todas as estâncias, não só da área física, mas da mental e espiritual também. Quando esta tríade - mente, corpo e espírito - estiverem em homeostasia, o resto fluirá de forma tranquila.

 

Viver, também é construir uma história digna, é deixar um legado.A vida sendo um dom, jamais poderia ser corrompida. Tudo que é dom é gratuito e por isto deve ser vivida com gratuidade. Importante, sublinhar que ao fazer esta colocação, não estou dizendo que sou contra ter ou ganhar dinheiro, ao contrário, sou totalmente favorável, mas de forma honesta. Sem corrupções, sem se vender por qualquer migalha que lhe possam dar, como vemos em todos os segmentos de nossa sociedade e do nosso país.

 

A vida é dom e não moeda de troca, portanto, valorizar-se, respeitar-se, cuidar-se é o mínimo que qualquer pessoa deve fazer e não se colocar e, muito menos, aceitar ser percebida como uma mercadoria ou um objeto descartável.

 

Vivemos um momento de tanta violência, em que é mais do que necessário resgatar a importância da vida. Hoje as pessoas são assassinadas por engano, como se a vida não valesse nada. Não podemos ficarmos quietos e aceitarmos isto como algo normal, temos que conscientizarmos as pessoas da importância da vida e que sempre existe a possibilidade de mudança, quando existe vida.

Please reload

Posts Recentes

06/11/2019

18/10/2019

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • YouTube Social  Icon
  • SoundCloud Social Icon
  • LinkedIn Social Icon