Queixas

18/04/2017

 

Outro dia caminhava pelo parque Farroupilha, mais conhecido como Redenção, e tinha alguns senhores que são moradores de rua, que ficam por ali conversando, bebendo, dormindo, já são conhecidos dos frequentadores. Quando passei me chamou a atenção a fala de um deles e parei para escutar; provavelmente um dos seus parceiros estava se queixando e o Roberto (nome fictício) disse em voz alta: “Para, por favor para! Não aguento mais ver as pessoas reclamarem. Tu estás reclamando do que? Tens saúde, estás vivo; come todos os dias; tens os bancos do parque para dormir, tens liberdade e ficas aí reclamando. Deu, chega!”

 

Em um primeiro momento tive vontade de rir, pois achei engraçada a reação dele, mas depois fiquei pensando e vi o quanto ele tinha razão. Confesso que fiquei com vergonha de todas as vezes que reclamei de algo.

 

Continuei caminhando e pensando naquela situação que tinha acabado de presenciar e vendo o quanto Roberto estava certo. Muitas vezes tenho a sensação que reclamar se tornou um vício, já disse isto em outro momento, porque têm pessoas que começam a falar e o único assunto é reclamação, como se isto fosse adiantar alguma coisa. O interessante é que ficam ofendidas ou brabas quando se pergunta o que estão fazendo para mudar. Sim, porque se não fizer nada para mudar, nada vai acontecer.

 

Talvez não precise fazer muito para as coisas mudarem, só mudar a maneira de olhar para vida e ao invés de reclamar, agradecer.

 

Trabalhando com a possibilidade de que se queixar tornou-se um vício, podemos pensar na proposta dos AA, ou seja, “só por hoje não vou beber”. Teríamos que adaptá-la para este outro contexto, “só por hoje não vou me queixar” e este propósito deve ser renovado a cada amanhecer. Experimente e veja a diferença que isto fará na sua vida.

 

Muitas vezes nos queixamos, porque fomos criados no meio de reclamações, queixas e “azedumes”, mas não é por isto que temos que agir igual. Podemos fazer diferente, basta querer. Comece a prestar atenção nas informações que manda para o seu cérebro armazenar. Obviamente que se você disser que a vida está difícil, que a vida não é fácil, que tudo dá errado, as crenças que estão no seu inconsciente serão reforçadas e a sua vida não continuará legal.

 

Encerro o texto propondo o desafio de passar um dia sem reclamar e caso consiga, vá aumentando o número de dias e depois me mande escreva por e-mail ou pelas redes sociais dizendo como está o seu humor e a sua vida.

Please reload

Posts Recentes

06/11/2019

18/10/2019

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • YouTube Social  Icon
  • SoundCloud Social Icon
  • LinkedIn Social Icon