A frustração é...frustrante


Cada vez mais se percebe a dificuldade que as pessoas estão tendo de lidar com a frustração. Claro que não dá para generalizar, mas vê-se que muitas não conseguem ouvir um “não”. Normalmente, são aquelas que foram criadas como “reizinhos” e que acreditam que vieram ao mundo para serem servidas, portanto, todo mundo tem que estar a seu dispor. Isto denota não só um funcionamento narcísico, egocêntrico, mas também pueril.

São pessoas que no fundo sofrem porque acabam por vezes solitárias, visto que nem sempre encontrarão companhias que satisfaçam seus desejos. Na realidade expressam a maneira como foram criadas pelos seus genitores. Muitos pais fazem todas as vontades dos filhos, evitam que passem por alguma dificuldade, esquecendo que a vida não irá superprotegê-los como fazem.

A frustração é um sentimento de impotência e surge quando certos desejos e expectativas não são realizadas. Trata-se de uma das emoções humanas mais comuns, porém, quando a pessoa não consegue administrá-la, torna-se um problema porque passa a ter dificuldade em lidar com as contrariedades que a vida apresenta e que exige paciência e habilidade para tratar. A frustração ajuda as pessoas a pensarem, a reverem sua postura, a refletirem sobre seu comportamento e quem sabe até mudá-lo, mas para tanto, a pessoa tem que estar aberta e ter condições de refletir sobre o recado que a vida está lhe dando. Ela ajuda, também, a moldar o caráter.

O indivíduo que não consegue lidar com a frustração tem a tendência de querer impor a sua vontade aos outros, não consegue flexibilizar, agindo na maioria das vezes de forma impulsiva. Geralmente, são pessoas que se julgam certas e enxergam o outro como problema, quando na realidade o maior problemático é ele mesmo que não consegue se dar conta que o mundo não gira em torno de si. São pessoas que tem dificuldade de exercitar a empatia, são egoístas, vivem em função do seu prazer.

Vários são os fatores que contribuem para que a pessoa não consiga lidar com a frustração, entre eles, vamos encontrar a percepção distorcida da situação vivida, onde só consegue enxergar o lado negativo da situação; tendência a querer controlar todos os acontecimentos de sua vida e quando não consegue fica desconfortável não sabendo lidar com este desconforto, gerando raiva e indignação.

Lidar com a frustração é algo doloroso e isto é que leva as pessoas a terem dificuldade de lidar com ela. A dor psicológica provocada pela frustração é importante e até certo ponto saudável, pois nos ensina a lidar com a vida. Quando a pessoa não consegue entender isto, provavelmente, existe um algo a mais que a impede de entender e lidar com isto.

Importante ter claro que aquele coração que sofre a dor da frustração é o mesmo que se alegra com o amor, com a conquista e com o gozo. As pessoas precisam estar preparadas para vida e saber que nem sempre os seus desejos serão satisfeitos e que nem por isto precisam criar inimizades, brigar, ficar com raiva, gritar. Basta saber lidar com a dor da frustração.

#Frustração

5 visualizações

CLIQUE E FALE

+55 51 999-877-258

REDES SOCIAIS

Código de Ética Profissional do(a) Psicólogo(a)

CONSULTÓRIO

Rua Rita Lobato, 191 sala 306

Praia de Belas - Porto Alegre/RS

Conselho Regional de Psicologia do RS